Homenagem s coordenadoras 100 web

Evento encerrou na tarde de domingo com ampla participação e fortalecimento da luta feminina.

Na manhã de domingo, 21, em continuidade ao Encontro Nacional da Mulher Trabalhadora, as mulheres da FASUBRA Sindical se organizaram em quatro Grupos de Trabalho (GT), para discutir a resolução das mulheres aprovada no último Congresso da Federação e as cartas aprovadas nos encontros de mulheres anteriores, atualizando as bandeiras da luta feminina.

Bandeira FORA TEMER

Costura da Bandeira

Costura da Bandeira

As trabalhadoras técnico-administrativas representando os sindicatos de base da Federação, confeccionaram uma bandeira pelo FORA TEMER, com a FASUBRA ao centro como entidade que congrega a representação da Categoria.

As mulheres utilizaram a pintura e a costura para expressar suas impressões referentes à conjuntura de retirada de direitos por meio das Reformas Trabalhista e Previdenciária, como forma de arte e protesto feminino. Em conjunto, as mulheres costuraram os retalhos formando uma bandeira, representando a unidade na luta.

Resoluções do GT

Foram apresentadas as propostas dos grupos, item por item, com a consideração e destaques das mulheres. Também foram apresentadas as moções de repúdio, publicadas brevemente no relatório do evento.

Homenagens

A coordenação da Mulher Trabalhadora representada por Eurídice Almeida e Ivanilda Reis, prestou homenagem a todas as coordenadoras mulheres que constituíram a Direção Nacional da FASUBRA Sindical desde o ano de 1984. Vânia Galvão da Universidade Federal da Bahia (UFBA) foi a primeira coordenadora mulher da Federação, atualmente é vereadora em Salvador-BA.

Homenagem às Coordenadoras

Homenagem às Coordenadoras

Homenagem póstuma

Também foi realizada homenagem póstuma para a companheira Maria da Graça Pedro de Carvalho, coordenadora de Aposentados e Pensionistas do Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Sintufrj), falecida no dia 20 de abril deste ano.

As companheiras de Uberlândia -MG também homenagearam as companheiras falecidas Cacique Kaun Poti Guarani de Ituiutaba – MG e Hanna Karita, estudante de Ciências Sociais da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Coordenação da Mulher Trabalhadora

De acordo com a coordenação da Mulher Trabalhadora, a semente da formação política foi mais uma vez regada, promovendo ferramentas que subsidiarão a luta das mulheres contra as reformas. “Foi um evento importante em que as mulheres puderam organizar a luta contra todos os ataques. Para que seja de fato vitorioso, é preciso que seja implementado pelas entidades de base todas as propostas encaminhadas pelas mulheres nesse encontro, no combate ao machismo e todas as formas de opressão”.
O relatório do encontro será disponibilizado em breve no site da Federação e no Informe de Direção.

#OCUPA BRASÍLIA

Diversas trabalhadoras técnico-administrativas permanecem em Brasília-DF para participar da Caravana e do Ato Nacional #OCUPA BRASÍLIA, contra as Reformas da Previdência e Trabalhista, pelo FORA TEMER e pelas eleições diretas no Brasil.

[testimonials autoplay=”no” delay=”6000″ show_nav=”no”][testimonials_item name=”Margarida Maria Alves”]Da luta eu não fujo[/testimonials_item][/testimonials]

Assessoria de Comunicação FASUBRA Sindical